25 julho 2012

tempo de mãe



vem cá 
andorinha minha

vem  a meus braços
pousar
que te quero com abraços
alimentar


enquanto aqui estás
todo o tempo é primavera

e eu
dou
um pouco de paz
a esta minha
constante espera

5 comentários:

Marília Gonçalves disse...

Rosalina, também minha amiga, me pesa o tempo de espera, e os momentos bons, que teimam em passar tão depressa, enquanto a espera são segundos intermináveis
Marília






Celeiro de abundância
vazio, à fome de alguém
bate-te à porta a infância
famélica ao pé da mãe.

Inútil pão doutro dia
nos olhos de ver morrer!
Quem pode ter alegria
por a semente prender?

Vendavais! Levem o muro
que prende o pão de amanhã.
Sementeira do futuro
a negar a vida vã.

Só quando livre a seara
crescer em pão mundial
a manhã será mais clara
nas margens do ideal.

Quando fluente o olhar
vier poisar de mansinho
na forma do verbo amar
pelas curvas do caminho,

Nos então seremos povo
seremos gente a valer
semente do homem novo
que de nós há-de nascer!

Marília Gonçalves

Marília Gonçalves disse...

Anda sozinha
quem o diria
a avózinha pelo meio-dia
vai para a horta

vai ou não vai

curvada e torta

como seu pai...

tomou-lhe o jeito

a posição

vergou-lhe o peito

de arar o chão...

é a paisagem

do trigo- pão.

Marília Gonçalves

Marília Gonçalves disse...

que para a tua linda andorinha o Mundo seja o que todas as crianças deveriam ter e ser!

infelizmente nao o é para todas:

Da Alegria ao Horror


Nuvem de cinza
Vermelha
A tremer no areal
Minha fogueira de tempo
Rubro cantar
Caniçal

Na lareira
Treme e geme
Rola de fogo e amor
Voa a nuvem
Leve freme
Mão de fogo
Bailador

Rubro dança
Em viva roda
Como trança a desfazer
Ou como olhar de criança
Que poisa
E nos faz doer.

Marilia Gonçalves

Marília Gonçalves disse...

nada tem a ver com o assunto aqui tratado, mas deixo o link pela importância do facto:
http://www.legrandsoir.info/danielle-mitterrand-la-democratie-n-existe-ni-aux-usa-ni-en-france.html

rosalina carmona disse...

querida marília, desculpa não ter respondido aos teus sempre simpáticos e amigos comentários. estava sem internet.um grande beijo para ti e para todas as tuas andorinhas tb
rc