17 abril 2010

ainda há pastores no barreiro


estas fotografias foram feitas no verão passado, mas quem quiser este ano ainda pode ver, o homem ainda lá vai pastar o gado nas margens da caldeira do sangue, entre o moinho grande e o do cabo. raridades deste nosso barreiro, enquadradas em molduras de beleza e esplendor.












por entre os altos prédios
num interstício
uma língua de caminho
entre alburrica e as caldeiras dos moinhos
elas aí estão
as ovelhas e o pastor


4 comentários:

Marília Gonçalves disse...

Amiga Rosalina, Amigos Alentejanos, Companheiros de Abril e de Luta

peço a todos que leiam o post de Andrade da Silva Homem de Abril, o grande Defensor da Reforma Agrária, assim como os comentários entre os quais se encontram dois meus, em Liberdade e Cidadania com link a partir do blogue da nossa amiga Rosalina
é que o nosso Estimado e querido Companheiro o nosso Capitão de Abril Andrade da Silva, tem neste momento a mãe a partir para sempre e precisa do vosso encorajamento para poder ir para o pé da mãe e ampará-la nos últimos instantes de vida
é o momento se estarmos ao lado de quem sempre esteve ao lado do Povo
e que cada Alentejano erga um ramo de Papoilas Rubras em nome de Andrade da Silva no dia 25 de Abril,fazendo assim que apesar de ausente ele esteja com Portugal de Abril num tão doloroso momento da sua vida
Mas esse Homem de coragem neste momento por tudo quanto deu de si e sofreu, precisa do vosso apoio e dos vossos encorajamentos.
Andrade da Silva estará presente onde estiver cada Alentejano que sabe o que ele representou para a Reforma Agrária
Sejamos todos Solidários em nome desse Abril de Cravos que tanto amamos
VIVA O 25 DE ABRIL DE 1974
UNIDOS A LUTA CONTINUA
VAMOS REERGUER ABRIL!

o meu abraço
Marília Gonçalves

azinheira sou eu disse...

solidariedade ao joão andrade silva, neste momento tão difici.

Marília Gonçalves disse...

ola querida amiga rosalina

que belas fotografias!dá vontade de ir a correr para aí
um grande abraço
Marília Gonçalves

azinheira sou eu disse...

olá marília
o barreiro é mesmo muito bonito
tem belezas desconhecidas
está à espera de ser conhecido
abraços